Motocross numa cidade da Rússia

Vodka para desinfectar as feridas.

O desafio de conduzir através de vários obstáculos, pondo à prova o equilíbrio, a destreza e a capacidade da moto define vagamente o motocross.

Vagamente porque há muito mais a dizer sobre esta modalidade viciante.

A adrenalina, por exemplo, que será imensa para um amador ou para um não praticante que visualize esta aventura na Rússia, torna-se tão normal num destes motociclistas que ele já nem nota o perigo.

Até chegar a esse ponto, sem dúvida que deu muitas quedas, registou inúmeros arranhões e nódoas negras, e se tiver tido sorte não partiu nenhum osso.

O que vale é que, na Rússia, mesmo quando se esfarrapa uma mão aparece sempre alguém com vodka para “desinfectar”. Não desinfecta, mas ele seguiu caminho a achar que sim. É o que interessa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*
*
Website