Homem destrói parada

Armado com trompete dá ko

A parada estava sincronizada, o pessoal do sopro preparava-se para entrar. Era o momento de tensão que todos aguardavam.

Alguém preparava uma partida. Um homem ria-se na varanda, enquanto uma trompete esperava por si. Estava pousada na mesa da varanda.

Nesse momento, a parada passava em frente à sua casa e o homem preparava-se para “atacar”.

Agarrou no instrumento e antecipou-se aos elementos da secção de sopro. O problema é que tocava mal, muito mal.

A confusão foi tal que os elementos do sopro nem iniciaram o seu trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*
*
Website