Avião quase cai ao aterrar na Madeira

Momentos de alto risto

A pista da Madeira é conhecida pela dificuldade a que sujeita os pilotos durante a aterragem.

O facto de a pista ser muito curta, não esquecendo que foi aumentada no início dos anos 80, constitui uma dor de cabeça para os pilotos.

O risco de aterrar no Funchal é agravado pelo fato dessa zona ser muito fustigada por ventos cruzados.

Neste vídeo, pode ver-se a dificuldade com que o piloto se debate para conseguir aterrar o avião. Estas imagens estão a correr o mundo.

Foi a 19 de Novembro de 1977 que se deu a única queda de um avião da TAP, um Boeing 727-200. No acidente morreram 131 pessoas e houve 33 sobreviventes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*
*
Website